17 jul 2012

Sobre como é difícil ser mãe – com um pouco de humor

– And I feel like I’m failing, I feel like I’m failing all the time!
– You’re not failing! Being a mother is hard.
– Oh my God, it is SO hard!!!

Quem me conhece sabe o quanto eu amo o extinto seriado Sex and The City e obviamente os dois filmes já lançados também.

Neste segundo filme, as dificuldades da maternidade são um pouco mais exploradas, sempre de maneira leve e descontraída, mas ainda sim honesta.

Essa é uma das minhas cenas preferidas porque fala de como sempre sentimos que estamos fracassando, ou que poderíamos fazer melhor. Como sempre nos sentimos culpadas por qualquer pensamento ou sentimento que fuja um pouco desse lado maternal.

Então, recomendo que você, mãe dedicada e por vezes injuriada, assista esse videozinho abaixo. Vale a pena.

“E eu tenho ajuda o tempo todo!!! Como as mulheres que não tem fazem???”

9 comentários no blog

  1. Marcia em

    Eu também amava Sex and the City,e esta cena é sensacional. De fato, o brinde é pra nós Gi que não temos ajuda e fazemos rs. Bjs

    Responder
    1. Michelle Amorim respondeu Marcia em

      Que saudades da série! Ainda bem que um terceiro filme vem aí! =)

      Responder
  2. Larissa em

    Essa cena da foto tb eh muito boa!! Ela trancada na dispensa chorando, tem horas que bate o desespero mesmo! Ainda bem q eles sao fofos, cheios de gracinhas e novidades diarias, pra compensar todo o outro lado hehehehe

    Responder
    1. Michelle Amorim respondeu Larissa em

      Acho que não há uma mãe que não se identifique com aquela cena, né? Tudo bem que tudo é mais glamuroso no filme, mas que passamos por isso, ah, passamos, haha

      Responder
  3. Thais Godinho em

    Adoro a série também e essa cena é clássica. Incrível como as mães têm esse tabu de falar sobre a vontade de descansar, curtir um tempo sozinhas etc, como se fosse pecado. =/

    Responder
    1. Michelle Amorim respondeu Thais Godinho em

      No começo eu era assim. Hoje em dia sei que para criar minha filha bem e feliz, eu preciso estar bem e feliz =)

      Responder
      1. Mistelko respondeu Michelle Amorim em

        Eu já sei que não sou uma supermulher e aceito minha limitação, mas percebo que o mundo ao redor insiste um me cobrar esta postura. Quando comento que estou cansada ou preciso de ajuda, muitas vezes recebo comentários como “imagine que eu tinha 3!” ou “eu ainda estudava e trabalhava!”. Escolhi estar só com minha filha e cuidar dela com dedicação, estou errada? Só vale se eu me matar, enlouquecer e envelhecer no processo? Acho que não. Não vou me arriscar a perder a paciência com minha pequena por estar sobrecarregada. Ela é mais importante do que a opinião dos outros. E eu também!

        Responder
  4. Mariáh em

    Eu sempre lembro dela dizendo que chora escondido. Quem nunca?

    Responder
    1. Michelle Amorim respondeu Mariáh em

      Sim!!! Quantas vezes já não fui para outro cômodo e enfiei a cara no travesseiro pra gritar?! Haha

      Responder

Deixe seu comentário!