03 set 2012

Fraldas Descartáveis Parent’s Choice

Gosto muito de fazer as compras de supermercado no Walmart, porque lá sempre encontro produtos diferentes e importados com um preço bacana. Como o meu café amado do momento, por exemplo, o 1889 República (que é produzido aqui no Brasil) e mostrei no post anterior.

Numa das últimas idas até lá, vi um stand enorme com essa fralda, a Parent’s Choice. Haviam algumas fraldas soltas em cima das caixas, provavelmente para que as pessoas pudessem conhecer o produto. Como eu gostei do que vi, comprei uma caixa e estamos usando desde então.

Antes da resenha, uma observação que eu queria comentar há tempos:

O pessoal se acostumou a chamar fraldas não plastificadas de “toque de algodão”, mas na minha opinião essas fraldas estão mais pra “toque de papel”. É ou não é? Sinta o material da Pampers Total Confort e da Soft Touch Max da Turma da Mônica, por exemplo. É um toque de papel. Já a Pampers nova, a Premium Care (resenha ainda essa semana) e a Huggies Naturali são exemplos de “toque de algodão” mesmo.

A Parent’s Choice está sendo importada e vendida pelo Walmart e por enquanto não encontrei no Sam’s Club, que é onde compro a Naturali.

É uma fralda muito boa para o uso diurno. Fina, maleável e bem confortável. Tem aquele combo que eu adoro em fraldas: abas + cintura elásticas e isso garante o conforto e a liberdade de movimentos do bebê.

Os tamanhos vão desde o RN até o 6, que seria equivalente ao nosso XXG. Eu comprei o tamanho 5 (equivalente ao XG), indicado de 12kg para cima e ficou ótimo na Mel, que está pesando pouco mais de 12kg.

Ela agüenta bastante xixi, mas eu não indicaria para o uso noturno. Num dos dias em que testamos a fralda, a Mel foi dormir às 21h e levantamos às 7h, e o vazamento foi monstro. No outro dia, ela acordou um pouco mais cedo e idem, vazou também. Por isso não indico para ser usada à noite.

Mas veja: essa foi a minha experiência, ou melhor, a experiência da Mel com essa fralda usada como noturna. Pode ser que com seu filho(a) ela segure bem a onda durante a noite toda. Tem que testar 😉

O que eu mais gostei foi o custo benefício dessa fralda: paguei R$49,90 numa caixa com 70 fraldas, ou seja, R$0,71 a unidade. É uma fralda muito boa e com preço ótimo também.

Preço médio: atualmente R$39,90 a caixa com 70 fraldas tamanho 5 (XG) (os tamanhos menores vem com mais unidades dentro da caixa) nos supermercados Walmart.

Conclusão: Se você gosta da Pampers Total Confort, vai gostar da Parent’s Choice. Talvez a absorção seja menor, mas nos outros quesitos elas empatam, com vários pontos a favor para o preço da Parent’s Choice, que é ótimo. Recomendo muito como fralda de uso diurno.

02 set 2012

Instagram’s da semana

Esse era um projetinho antigo já – desde que comecei a usar e me apaixonei pelo Insta – e semana passada finalmente resolvi tirá-lo do papel: mostrar através das fotos do meu Instagram um pouquinho mais da minha (da nossa) vida por aqui. A ideia é que as imagens falem por si só, com uma pequena ajudinha das legendas.

Usei uma etiqueta fofa do Labelbox que dificultou um pouquinho a leitura das tags, mas prometo que na próxima semana coloco uma que seja mais fácil de ler :)

E você? Também usa o Instagram?

31 ago 2012

Sobre a festa de 2 anos da Mel – parte 2

Continuando o post anterior – parte I – sobre a festa de 2 anos da Mel. Me avisem quando vocês se cansarem de mim, tá? :)

Mesa principal

A mesa que seria usada como principal era enorme (2,60 de comprimento) o que foi ótimo por acomodar tudo que eu queria colocar nela, mas por outro lado, nenhuma das lindas toalhas da minha sogra davam certo. Sempre ficava faltando um palmo de cada lado.

Eu queria uma toalha rendada e no dia em que fui ao Centro comprar as toalhas de TNT acabei dando de cara com aquelas toalhas rendadas plastificadas, sabem? Achei uma muito bonita (acho que nas fotos poderemos ver depois) e comprei na medida de 3 metros de comprimento (custou só 30 reais). Barata, linda e prática.

Nessa mesa, usei cinco pratos de porcelana com pé – os que eu já tinha do ano passado e os que comprei esse ano. É uma coisa que não acho que valha a pena alugar. Usei um grande para o bolo, três médios para cupcakes e cakepops e mais um pequenininho para uma porção dos doces. O restante eu coloquei em bases de isopor quadradas de tamanhos diferentes (comprei na Casa do Confeiteiro) encapadas com papel branco (papel laminado do lado do avesso) e detalhes de fita rosa de gorgurão e uma fita fofa de florzinhas que me serviu pra tudo. A fita de florzinhas e os pratos de porcelana foram comprados na Big Festas também.

Você pode usar caixas de sapato ou de bota ao invés das bases de isopor. Fica bem mais em conta, mas como eu sou xarope e queria tudo quadradinho, bonitinho e do mesmo tamanho e também estava atrasada com tudo, preferi comprar as de isopor. Custou R$16,00 – R$18,00 cada uma.

Na parte de trás da mesa, os amados potes de vidro com guloseimas tipo marshmallow e balas de gelatina. Usei os quatro potes que eu já tinha do ano passado. Fora isso, coloquei também as garrafinhas personalizadas que a criançada ama (aquelas redondinhas, na cor pink) e dois vasos grandes de vidro com fibra siliconada branca (veja aqui), que dá a impressão de algodão doce, com uma topiaria dentro. Como a mesa tinha 2,60m de comprimento, deu pra colocar tudo e ficou bem harmônico.

Na parede atrás da mesa, o banner de “feliz aniversário Melanie”, feito em formato de bandeirinhas. De cada lado da mesa colocamos uns vasos bem bacanas que minha sogra tem (ela foi responsável pelo “paisagismo” da festa, dando ideias e soluções muito boas) e o fibran com a foto da Mel, no cavalete. O legal foi usar o que já tínhamos, deixar tudo bonito sem gastar nada (mentira que pagaram um troco pra um carinha levar os vasos super pesados pra lá).

Cardápio

Nossa lista tinha 61 pessoas e calculamos tudo com base nesse número. Pouquíssimas pessoas faltaram. Se não me engano, foram 55 pessoas.

Como a festa era no período da tarde, fui no clássico: salgadinhos, doces e bolo com um toque especial por conta dos cupcakes e cakepops. Pra mim, não tem festa sem eles porque eu realmente amo. São lindos e gostosos demais!

Salgados: Eu tinha pensado em fazer cachorro quente, mas acabei não fazendo e foram servidos apenas os salgadinhos de festa mesmo: coxinha, bolinha de queijo, risóles de carne, kibe, esfiha de carne e doguinho. Encomendei 600 salgados e sobrou uns 50, eu acho. Dentre os muitos lugares bons pra comprar salgados em Curitiba, indico os que conheço bem: a Aquarius Gastronomia no Bacacheri e a Super Pane no Cajuru.

Bolo e Doces: Encomendei 350 doces com a Danielle Taher (que no ano passado fez o bolo fake e os pães de mel) e escolhi doces tradicionais e somente um mais fino: brigadeiro, beijinho, cajuzinho, dois amores e brigadeiro de uva rosa. Sobraram uns quarenta doces. O bolo de 3kg foi feito em pasta americana, e era de chocolate trufado com strogonoff de nozes. Agradou todo mundo. Bolo sempre sobra um monte, mas desse quase não sobrou. Ah, o dois amores da Danielle é o melhor que já comi e o brigadeiro de uva rosa então, nem se fala. Foi a sensação da festa! Ah, a Dani também faz cupcakes e cakepops, mas eu me divido entre as duas, hehe.

Cupcakes e Cakepops: Novamente com a Carol da Cupcakes Curitiba, encomendei 40 cupcakes e 40 cakepops. E claro que desses não sobrou praticamente nada, porque, quem resiste a um cupcake ou a um cakepop? Todo mundo sempre me pergunta de quem é aquele cupcake tão gostoso e realmente eles são maravilhosos.

De sabor, escolhi o seguinte: todos com massa de chocolate, metade com recheio de brigadeiro e metade com recheio de Nutella. Todos com cobertura de chocolate branco com coraçõezinhos em cima. Coisa mais fofa.

Desde o ano passado quando fiz minha primeira festinha e a Dani e a Carol participaram, ficamos amigas e mantivemos contato pelo Facebook ou e-mails. Recomendo muitíssimo o trabalho das duas, que são muito queridas e competentes. E mães!

Bebidas: Compramos 30 litros de refrigerantes diversos (15 garrafas de 2 litros), com o predomínio de Coca Cola, que é a preferência. 4 caixinhas de suco Maguary de uva e laranja, 3 caixinhas de cerveja Bohemia e uma água mineral de 5 litros. Disso tudo, sobraram 5 garrafas de refri, umas 10 latinhas de cerveja e duas caixinhas de suco fechadas.

Para as crianças (e adultos também, por que não?) tinha Ades de maçã e iogurte de morango, dentro das suqueiras. Foram colocados 4 litros em cada uma e só sobrou metade do Ades.

Pensando nos pequenos também, eu fiz gelatina de morango em copinhos de acrílico transparentes com tampinha. Todos com uma tag em cima. E esqueci de levar pra festa… Bem legal, só que não. Depois passamos uma semana comendo gelatina, haha.

Bom, sendo eu uma apaixonada por café, claro que ele não poderia faltar. Servimos logo após o parabéns, com a opção de chá também, para quem não tomasse café.

Self service

No ano passado a gente tinha um monte de garçons atendendo os convidados. Esse ano eu não queria (e não podia) contratar um, então decidi que seria tipo self service, ou seja, cada convidado se serviria a vontade e por conta própria. E deu certo.

Deixamos uma daquelas mesas grandes em uma das laterais com os salgados (nas próprias caixinhas brancas que eles vieram), as bebidas, copos e pratos descartáveis biodegradáveis, guardanapos (que foram colocados nas mesas também), e depois, uma bandeja com o café, açúcar, adoçante, colherzinhas e copinhos. As suqueiras também ficaram nessa mesa, numa ponta, com as garrafinhas e canudinhos ao lado.

A moça que me dá uma mão aqui em casa foi nesse dia pra me ajudar na festa e ficava de olho no que estava precisando repor, atendia quem quisesse esquentar os salgados no microondas, passou o cafezinho, enfim, ela estava lá pra tudo que eu precisasse. Inclusive para limpar, antes e depois. Então, nem pense em atender tudo e todos sozinha. Tenha um alguém (ou muitos!) pra te ajudar.

Cantinho baby e pensando nas outras mães

Como eu contei pra vocês no post passado, lá tinha parquinho, aqueles old school que a gente ia com os avós, sabem? Só que o parquinho fica lá em cima, no morro, subindo as escadas. Então eu quis criar um espaço mais próximo para os pequenos e para o sossego dos pais também.

Me rebelei e resolvi não locar cama elástica nem piscina de bolinhas, e sim aproveitar todos os brinquedos que a Mel tem. Além disso, compramos um escorregador de presente de aniversário pra ela, então já tínhamos esse item, que a criançada adora.

Parte da nossa sala provisória tomada pelas tralhas da Mel. É muita coisa pra uma criança só, por isso me rebelei e não loquei na-da.

 

Levei então 6 placas do nosso EVA, que medem 1m x 1m e montei um cantinho com algumas coisas da Mel: a cozinha, a mesinha com duas cadeiras, o escorregador, a piscina inflável, desenhos diversos que imprimi para eles colorirem, caixinhas de giz de cera e uma caixa de brinquedos da Mel, com pianinho, notebook, brinquedos de encaixe, bichinhos, livrinhos, entre outros.

Coloquei também dois bancos de madeira numa das laterais desse cantinho com três finalidades: para os pais se sentarem, para as crianças desenharem e para fechar o ambiente e evitar que elas saíssem correndo pela rampa.

Na tv, dvd’s da Galinha Pintadinha, Backyardigans e Hi-5 fizeram a alegria dos pequenos.

O cantinho improvisado foi um sucesso e ninguém sentiu falta dos brinquedos não locados. As crianças amaram brincar de fazer papá na cozinha, o escorrega, os desenhos, a caixa cheia de brinquedos diferentes do que estavam acostumadas. Adoraram também a piscina inflável e se jogavam nela, uma farra só. Fora que aproveitaram muito o parquinho, que tem balanço, gangorra, escorregador e gira gira.

Ao lado do banheiro principal, dentro da casa, coloquei um trocador (daqueles no suporte que vem nas banheiras) e fiquei muito feliz de ter lembrado disso. As mães agradeceram, inclusive eu!

Lembrancinhas

Encomendei com a Danielle algo que eu amo e que tem tudo a ver com a minha pequena: pão de Mel. Ela fez num tamanho maior, recheados com doce de leite e com a letra M em cima. Fizemos 60, se não me engano. E todos foram colocados num saquinho plástico com fitinha e tag de agradecimento (colada com cola quente). Ficou um mimo e uma delícia também.

Além dos pães de mel, eu quis fazer algo mais específico para as crianças e decidi pela bolha de sabão. Foi difícil encontrar a embalagem inteira branca, mas achei na Sete Festas, uma que tem uns meninos jogando bola no rótulo. Eu personalizei com rótulo-adesivo da festa e coloquei uma fitinha pra arrematar. Fiz 16 (seriam aproximadamente 11 crianças) e não sobrou nenhuma, claro.

Nessa mesa das lembrancinhas, que ficou bem na entrada/saída, coloquei duas latas de leite com balões rosa nas varetas. Acho que foi o único lugar que usei balões.

Algumas dicas práticas (festa)

  • Deixe tudo que quer levar pro local da festa separadinho um dia antes, pelo menos. Faça um check list e vá riscando o que já estiver pronto pra levar. Assim você não esquece de nada (ou quase nada…)
  • Se for possível, arrume o salão ou onde quer que você vá realizar o evento, no dia anterior ao da festa. Eu me arrependi de não ter feito isso, porque no dia é muito corrido.
  • Arrume um cantinho para os presentes e não esqueça de deixar junto caneta e etiquetas para aqueles presentes que vierem sem nome. Eu coloquei todos em cima de uma mesa daquelas grandes, lá na área baby que montei pros pequenos. Usei aqueles rolinhos de etiquetas que a gente encontra em qualquer papelaria, mas na maioria das embalagens já tem o espaço pra preencher o nome.
  • Lembre de agradecer os presentes depois. Vale telefonema, recado no facebook, e-mail, tudo. Só não vale deixar de dar esse feedback.
  • De preferência, leve todo o material que usará na festa em caixas e não esqueça de deixá-las guardadinhas para a hora de levar tudo pra casa de novo.
  • Leve sacos de lixo grandes e sacolas plásticas também, para o que não for nas caixas.
  • Verifique o que precisa levar para o(s) banheiro(s), como toalhas, papel higiênico, sabonete líquido, etc.
  • Garanta que terá ajuda para montar tudo e desmontar também. Você estará muito cansada, acredite.
  • Leve potes tipo tupperware ou faça como eu, que comprei marmitinhas pra colocar salgados, doces e etc para quem quisesse levar. Se não me engano paguei menos de R$20,00 em um pacote com cinquenta marmitinhas médias. E usei também para mandar docinhos para as professoras da Melanie, na segunda-feira. Em cima das tampinhas eu coloquei uma tag, pra ficar personalizadinho também.
  • Veja se os convidados querem levar os centros de mesa pra casa. Muitos querem, mas esperam que você ofereça. Eu esqueci e muita gente me perguntou das latinhas depois.

 

Algumas dicas práticas (pra você)

  • Use um calçado que seja confortável pra você no dia da festa. Você ficará em pé praticamente o tempo todo. Eu usei uma bota com salto baixo. Depois que virei mãe não seguro mais um saltão com dignidade. Sad but true.
  • Você não vai conseguir ter longas conversas com nenhum dos convidados, então atenha-se a conversar um pouco com cada pessoa, assim você não deixa de dar atenção pra ninguém. E todo mundo entende que em festa não dá pra dar aquela atenção especial mesmo. Relaxe, curta a festa e a companhia dos seus amigos e familiares.
  • Coma. Beba. Sim, porque eu não comi nada na festa. Mentira, comi 2 salgadinhos e meio. Peguei uma cerveja que ficou lá parada na mesa intocada, até o final da festa.
  • Caso seu filho não queira parar de brincar pra tirar fotos, não se estresse. O dia é dele, criança quer brincar, criança é puro movimento (como me ensinou a querida Dona Lourdes). Imagine que você está morrendo de fome, te servem aquela lasanha que você ama, ou aquela feijoada no capricho e, quando você vai salivando dar a primeira garfada, alguém vem e te arranca de lá e diz: hora de tirar foto. Imaginou? É assim que uma criança se sente quando você acaba uma brincadeira dessa forma abrupta. Então, deixe seu pequeno ou pequena curtir a festa, que afinal, é dele(a)!
  • Sorria e curta a festa que você preparou com tanto empenho e carinho.

 

Provavelmente eu teria mais umas cem dicas, mas como o post já está muito longo, ficará pra outro dia. Ih gente, acho que vou ter que fazer a parte 3… :)

Faltou falar da parte das artes da festa e papelaria e outras coisinhas. Vocês me perguntaram muito sobre isso, então vou fazer um post só sobre esse “tópico”, ok?

30 ago 2012

Creme Preventivo de Assaduras Amêndoas Huggies Turma da Mônica

Eu estava meio descrente pra testar esse produto por dois motivos: 1) não curto muito as versões em creme para assaduras e 2) eu já não tinha gostado da versão regular do preventivo de assaduras da Turma da Mônica (veja resenha aqui). Mas acabei comprando e estamos usando desde então.

Como o nome diz, ele é um creme e é bem emoliente, espalha fácil e logo some (penetra) na pele do bebê. O cheirinho é uma delícia, bem suave. Não tem cheiro de ‘pomada para assaduras’, sabem? Tem cheirinho de hidratante.

Ele possui óleo de amêndoas e vitamina E em sua composição, por isso a ação condicionante e suavizante na pele. A consistência dele é um meio termo, nem pastosa nem líquida e o rendimento é muito bom também.

A embalagem é a mais prática possível: plástica com tampinha flip flop, contendo 80g do produto.

Usei por dez dias direto e estava gostando até, mas infelizmente ele não protegeu das assaduras num dia em que a Melanie fez cocô duas vezes.

A pele dela é bem sensível, e quando ela evacua mais de uma vez no mesmo dia, a tendência é ficar vermelhinho mesmo.

Quando eu uso a Desitin ou a Dermodex, isso não acontece. Ou seja, são pomadas, são mais pastosas e consequentemente ficam ali no bumbum dela por mais tempo, não penetram tanto na pele quanto as versões em creme. Formam tipo uma camada.

Eu não diria que esse produto não é bom, e sim, que ele não funcionou com a gente (pelos motivos acima).

Se você gosta dos preventivos de assaduras em creme, recomendo o da Granado, que é muito bom, tem ação anti-séptica e pretege das assaduras. Além dele, já usei o Minancora e a outra versão do Turma da Mônica (veja na tag cremes e pomadas para assaduras)

Preço médio: R$11,00

Conclusão: Se você gosta de creme para assaduras e funciona bem para o seu filho, provavelmente irá gostar desse produto. Por aqui ele não protegeu como eu esperava, mas a pele da Mel é bem sensível mesmo e por isso prefiro usar as pomadas mais consistentes com ela.