Categories: Dicas de Compras/ Diversos/ Publieditoriais

Os benefícios de termos uma impressora em casa

DSC_0016

Quem já me acompanha há algum tempo aqui no blog, sabe que eu gosto de fazer as festas dos meus filhos em casa e de colocar a mão na massa mesmo, como costumamos dizer. Já foram mais de oito comemorações, entre Mel e Leo, entre aniversários e batizados. E uma das coisas que mais me ajudou a viabilizar essa vontade do “faça você mesma”, foi ter uma boa impressora em casa.

Atualmente temos duas impressoras aqui em casa, ambas HP Deskjet Ink Advantage, conhecidas também como multifuncionais: dá para imprimir, escanear e copiar documentos nela.

Gosto muito da qualidade de impressão e, por esse motivo, raramente faço em outro lugar, como em gráficas, por exemplo. Mesmo as impressões coloridas, maiores e mais detalhadas ficam muito boas quando usamos o papel correto para cada propósito e cartuchos originais HP, que duram mais e, portanto, são mais econômicos. Além disso, os preços hoje em dia estão super acessíveis.

É muito cômodo ter uma impressora em casa porque facilita bastante o dia a dia, principalmente o nosso que é tão corrido por conta das crianças. Por aqui, além da papelaria das festas dos pequenos, fazemos a impressão de boletos, digitalizamos e imprimimos documentos sempre que precisamos.

Nos últimos meses, ter uma impressora em casa tem me ajudado em outro aspecto relativamente novo e bem bacana: nos trabalhos escolares da Mel.

Desde o final do ano passado, ela tem tido cada vez mais atividades para fazer em casa ou em conjunto conosco. Muitas vezes precisamos de figuras, desenhos e ilustrações, que são facilmente encontradas na internet. Só precisamos escolher as melhores imagens para garantir impressões de qualidade.

Um das últimas atividades que Mel precisou fazer foi sobre o fundo do mar. Ela ficou responsável por apresentar o polvo para a turminha, contar detalhes e curiosidades sobre esse molusco e demonstrar tudo através de fotos.

Selecionamos algumas imagens e fizemos a impressão em casa enquanto eu ensinava à ela as peculiaridades do polvo. E ela apresentou aos amiguinhos seu novo amigo de oito tentáculos, super orgulhosa do que aprendeu.

DSC_0022

DSC_0020

DSC_0031

Então, para quem me pergunta se vale a pena ter uma impressora em casa, eu digo que sim. Vale muito a pena. Ainda mais se você também tiver filhos em idade escolar ou quiser se aventurar no mundo das festas e do diy, como eu.

Hoje existem diversos modelos, que garantem impressões lindas e de qualidade, feitas na sua própria casa. Só lembre-se de sempre preferir os cartuchos originais HP, que além da qualidade superior, geram economia.

Publipost-Vida-Materna-Identificação

comentários via facebook

12 comments

  1. Adorei conhecer esses modelos. Tô precisando de uma atualizada aqui, tenho a minha HP há cinco anos. Aqui fico encarregada de imprimir trabalhinhos do sobrinho.
    Lindo o polvo da Melanie!
    Beijos

  2. Bom dia Michelle, tenho uma impressora tipo essa em casa…. a impressora mesmo não é cara, o que eu acho que dificulta é o preço do cartucho original… comprei um preto, daqueles maiores, por R$109,00, aqui em Belo Horizonte… não gosto de cartuchos “genéricos” mas o preço do original desanima um pouco. Beijo e parabéns pelo seu blog!!!!

deixe seu comentário!