Categories: Café da Tarde/ Cotidiano

Mel e eu: cortando o cabelo

DSC_0843

Por ser um pouco impaciente e inquieta, eu não sou uma pessoa que curte muito passar horas num salão de beleza. Acho que por isso corto o cabelo e refaço minhas luzes apenas duas ou três vezes por ano, no máximo. Em salão mesmo, vou apenas para fazer pé e mão quando a coisa está ficando feia e – morrendo de preguiça – a depilação. Mas quase que tenho que ser arrastada para ir até lá…

Desde 2009 – quando a conheci para fazer a prova de cabelo e maquiagem para o meu casamento – quem cuida dos meus cabelos é a Yuk, uma amiga muito querida e profissional super competente. Além dos cortes, tinturas, mechas, hidratações, design de sobrancelhas e afins, ela também estudou química e é terapeuta capilar, ou seja, uma pessoa que realmente entende do assunto. Outro diferencial é que ela atende num espaço próprio e não num salão de beleza. Com isso, os atendimentos são individuais e, pra mim, essa é uma das melhores partes.

Eu estava precisando cortar as pontas que estavam um pouco ressecadas por causa da boa platinada que demos em novembro do ano passado. Como a Melanie também estava com o cabelo bem grandão e precisando de uma aparada nas pontinhas, resolvi dessa vez não cortar o cabelo dela eu mesma – como sempre fiz – e levá-la junto comigo. Foi uma experiência muito bacana. Ela adorou todo o processo e ainda se divertiu (e fez mil perguntas) enquanto eu cortava o meu.

DSC_0860

DSC_0862

DSC_0867

DSC_0892

DSC_0900

DSC_0904

Tiramos uns quatro dedos num corte arredondado levemente menor na frente. Ficou lindo, né?

DSC_0916

DSC_0920

Do meu cabelo só consegui tirar foto em casa. Tiramos uns cinco dedos eu acho, porque diminuiu bastante o comprimento (ainda bem que cresce rápido porque eu gosto de um cabelão). Quase sempre faço esse corte degradê, arredondado atrás e um pouco repicado.

10428575_808790509193203_5485032271691627739_n

Para finalizar então a nossa manhã do último sábado, ainda rolou um café com uma tapioca delícia que a Yuk fez pra gente. E não podia faltar foto da fofa da Mia, claro <3 (para quem mora em Curitiba e quiser o contato da Yuk é só deixar nos comentários que eu mando por e-mail, tá?)

DSC_0933

DSC_0930

DSC_0935

E vocês? Como fazem com as madeixas dos pequenos? Cortam em casa? Levam em salão infantil? Salão adulto? Compartilhem nos comentários, vou adorar saber!

comentários via facebook

29 comments

  1. Eu adoooooro um salão! Só me falta grana mesmo. Rs… Mas pra mim é sagrado fazer unha toda semana, tenho até horário fixo. Cabelo sou como você, faço umas 3 vezes no ano só.
    O cabelo da Gi só cortei em casa quando ela era pequenininha. De resto foi salão direto. Não sou muito jeitosa. Rs…
    As duas ficaram lindas!
    Bjs…

  2. Quando as meninas eram bebês levei elas em um salão especializado em crianças para fazer o 1º corte do bebê onde ganharam um certificado e a mecha do cabelo. Depois disso comecei a cortar a franja em casa mesmo pq esses salões custam uma fortuna. Depois que fizeram 1 ano comecei a cortar apenas 1 vez por ano e uns 4 dedos nos salões de criança (R$55,00 o corte). Como cresce muito o cabelo delas já estava na cintura e em novembro cortei 4 dedos como de costume, mas em janeiro cortei de novo mais 4 dedos. Agora só no final do ano!!! Eu gosto de ir no salão de vez em quando, para cortar ou colorir os cabelos e fazer a unha tbm.

  3. Minha pequena Giulia ADORA cortar os cabelos, desde 1 ano que corto com a mesma pessoa, Ricardo do TAPA NA JUBA, ele é muito bom, especializado em crianças, não é caro $35,00 o Chanel da minha pequena fica perfeito, todos gostam.

  4. Oi Michelle, conheci o “Vida Materna” hoje e amei!!! Passei horas navegando por aqui, uma coisa me levou a outra, uma dica, um site, uma imagem, nossa que delícia!
    Aqui tem tudo que eu costumo ler na net e tudo organizado e muito bem explicadinho, com fotos lindas!
    Já coloquei nos meus favoritos e na minha lista de leitura. Parabéns… e obrigada por compartilhar tanto!
    Bjoooo

  5. Adorei!! Lindas!! Também quero o contato da Yuk, pois o meu bebezão é bem cabeludinho.
    Michelle, eu adoro o “Vida Materna”, sempre olho as suas dicas e me inspirei muito em seu blog para fazer a festa de batizado do meu baby. Eu gostaria de saber se você poderia indicar um pediatra, pois está bem complicado marcar consulta com a pediatra do meu filho. Muitos beijos.

  6. Amei vocês de “cara nova” rsrs vocês são charmosas!!!
    Eu me aventuro no corte de cabelo do meu filho, pois já troquei de salão umas 5 vezes e não tem jeito. É escândalo de fechar… só em casa e dormindo ainda mais.
    A minha cabeleireira tem salão em outro bairro distante e pra algumas clientes antigas ela atende na casa dela, num espaço bem bacana e verde. Como moramos no mesmo bairro eu não a troco por ninguém… já são 12 anos dessa amizade ( se tornou) linda.
    Yuk que tapiocas desejáveis… sério. Nem no quiosque mais famoso da orla de Maceió encontro uma beleza assim. Vou tentar reproduzir aqui… amor no preparo é tudo.
    Beijo

  7. Eu corto em casa mesmo. Já fiz o primeiro corte do Fernando em um salão perto de casa, mas ele não parava quieto. E o cabelo deve que ser “tosado” por causa das suas mexidas. Eu corto no banho mesmo, o cabelo dele é encaracolado e fica lindo assim. Eu corto seco e tiro umas mechas enquanto ele está na banheira. Para cuidar, xampus sem parabenos e sulfatos e o cabelo dele continua lindo e encaracolado.

  8. Que lindo Michelle! Sempre que vou aparar as pontas dos cabelos levo minha princesa e ela se amarra! Adorooooo cabelo grande por esse motivo só fazemos isso 1 vez ao ano só pra dar aquela fortificada rsrs!

  9. Nisso, somos parecidas: eu também não consigo ser dondoca e ficar hoooooras no salão!!!!!!!!

    A Juju, ao contrário! Super vaidosa! Vai gastar horrores em salão, com certeza! Só pra ficar MAIS LINDA do que já é!!!

    Beijos

  10. Olá Michelle,
    Adoro seu blog e as dicas de Curitiba
    Gostei muito do atendimento individualizado da sua cabeleireira. Poderia me passar o contato por favor?
    Tenho um bebê de 3 meses em casa que mama a cada 2 horas, e só em pensar em enfrentar os horários de um típico salão, já me desanima.
    Obrigada
    Abraços

  11. Oi, Michelle! A minha filha já cortou em vários lugares, ainda não encontrei o cabeleireiro ideal.. As duas ficaram lindas! Queria o contato dela! Amo o seu blog! Beijos

  12. Oi, Michele. Sempre acompanho o blog e vcs estão lindas! A Elena ainda não cortou os cabelos. Mas adorei o corte quea Yuk fez em vcs e gostaria do contato dela. Beijos e Obrigada

  13. Oi Mi… Adorei seu post, e as duas ficaram mais lindas ainda!
    Sou de Curitiba e tb gostaria do contato da Yuk… Amei o trabalho dela.
    Você me passaria por email por favor?
    Obrigada.
    Beijos

  14. Oie, Mii.
    adorei o post e adooro seu blog, sempre estou aqui acompanhando.
    Moro em Curitiba e gostaria do contato da Yuk, ando tendo dificuldade em encontrar uma cabeleleira que nos faça se sentir a vontade e transmita confiança.

    Obrigada desde já.

    Beijos para você e os pequenos que são muito lindooos.

deixe seu comentário!