23 out 2012

Enxoval do Bebê – algumas dicas gerais para começar

Enxoval

* Nunca siga à risca essas listas de enxovais prontas, sejam da internet ou aquelas que as lojas fornecem. Tem muita coisa lá que você não vai precisar e tem muita lista com itens ultrapassados. Pesquise, leia, peça opiniões de outras mães e gestantes e aí monte a sua própria lista, levando sempre em consideração a época do ano que seu bebê vai nascer e o clima da sua cidade.

* Como eu disse acima, sempre tenha em mente a estação/época do ano que seu bebê vai estar com X meses, antes de escolher as peças e os tamanhos. (exemplo: você compra um vestidinho lindo tamanho 6 meses, mas quando seu bebê estiver com 6 meses, será inverno…)

* Antes de comprar, pesquise, pesquise, compare, pergunte. Você acaba achando o mesmo produto com um preço bem menor ou então, um produto de maior qualidade com o mesmo preço.

* Nunca compre levando em consideração somente a marca, nem nunca deixe de comprar por se tratar de um produto de uma marca desconhecida. Você tem que buscar qualidade e custo benefício.

* Às vezes, porém, aquela máxima de “o barato sai caro” é verdadeira.

* Assim que se descobrir grávida (e até mesmo antes disso!) as lojas de roupinhas e artigos para bebês se tornarão um constante perigo para o seu bolso e por que não,  para sua sanidade mental. Não tem jeito, quando estamos grávidas, tudo é lindo e a gente quer comprar e comprar. Então, se certo dia vc estiver muito emocional (mais do que já ficamos normalmente na gravidez), fuja desses lugares perigosos. Apele para a razão. Pelo menos tente.

* Nas lojas de enxovais, não se deixe influenciar pelos vendedores. Eles te mostram uma coisa linda atrás da outra, bombardeando a sua mente e não dando tempo nem pra você pensar… Respire fundo e tente se abster. Compre somente aquilo que você realmente quer e precisa.

* Quando for comprar uma roupinha para o seu bebê, pegue, sinta o tecido, a textura. Roupinhas de bebê têm que ser, acima de tudo, confortáveis. O toque não engana, então, coloque o tato para trabalhar.

* Não compre só porque é bonito. Faça mentalmente algumas perguntas a você mesma: essa roupinha parece confortável para um bebê? Ela é fácil de vestir ou cheia de frufrus? Fácil de lavar, passar, secar?

* Tecidos 100% algodão são essenciais, claro. Malhas com elastano ou malhas caneladas são uma ótima pedida para bodys e culotes (ou mijões, calças).

* E nada de tecidos ásperos, muito grossos, estampas duras, etc. E também, não se deixe levar pela emoção que babadinhos e rendas causam (essa é para mães de meninas). Para o seu bebezinho, isso será extremamente incomodo, então, deixe para mais tarde.

* A não ser que você seja muito fã ou sua mãe ou avó tenham dotes manuais e façam pra você, evite peças de lã. Eu comprei muita coisinha de lã na Feira do Largo da Ordem (quem mora em Curitiba conhece) e não usei nem a metade! Imagine o bebê cheio de roupas de lã e ainda enrolado em mil e uma mantinhas? Sapatinhos eu comprei aos montes e acabava não usando porque afinal, os tip tops (ou macacões) já têm pés, oras. Hoje em dia, se meu bebê fosse nascer no inverno, eu compraria pouquíssimas peças de lã. Um casaquinho, um par de luvas e uma touquinha. Só.

* Compre pouco RN, mas compre. A Melanie nasceu com 3.180kg e usou tamanho RN até quase 1 mês e meio.

* Evite roupinhas com botões nas costas. O recém nascido dorme bastante de barriga pra cima e os botões, mesmo os de pressão, podem incomodar.

* Algumas listas tem um item chamado “conjunto pagão”, que é uma camisetinha sem manga com um casaquinho por cima e uma calça. Eu nem cogitei usar o pagãozinho porque a combinação body + culote é infinitas vezes mais prática para você e confortável para o bebê. Então, sem pagãozinho gente.

* Cores. Todo mundo tem suas cores preferidas, mas, para o seu enxoval não virar uma salada em que as peças não se combinam entre si, crie palettes de cores que você gosta (em sites como o Colour Lovers), por exemplo, veja quais cores combinam entre si. Você pode variar as cores ou os sub tons e assim, o enxoval terá uma harmonia visual.

* Tente resistir à tentação dos calçados no começo. Sapatinhos encantam as grávidas mais que tudo nessa vida, mas tente se conter e pensar que seu bebê não se sentirá confortável nos primeiros meses com aquele treco pesando mais que o pezinho dele. (eu comprei um par de sapatinhos e um par de tênis durante a gravidez da Melanie, porque né, não sou de ferro).

* Não tire todas as etiquetas das roupinhas assim que chegar em casa (eu fazia pior, já ia tirando no carro, a caminho de casa…). Às vezes você compra num momento de insanidade gravídica e depois quando chega em casa, se arrepende. Mantenha as etiquetas para poder trocar, se for necessário.

* Se achar algo que você goste muito, muito mesmo e acha que o preço está relativamente bom, compre na hora. Você não vai achar mais quando decidir voltar pra buscar. Acredite.

* Frases que você vai certamente ouvir: “nossa, precisa de tanto body assim? uns dois já não tá bom? esse bebê já tem mais roupa do que eu!”. Não desanime, homens são assim mesmo.

* Quando alguém quiser te ajudar no enxoval e perguntar o que você está precisando, diga, não precisa ter vergonha. Se a pessoa (leia-se mãe, sogra, irmã, tia, avó, amiga, etc) está oferecendo ajuda, é porque realmente quer ajudar. O mesmo vale para aceitar aquelas roupinhas que, quando bem cuidadas, vão sendo compartilhadas entre a família.

* Pagando à vista, você sempre consegue um bom desconto. Então vale a pena guardar uma graninha antes de ir comprar algo mais caro, como carrinho, berço, guarda roupa, por exemplo.

* Lembre que algumas coisas você tem que encomendar e demoram para ficar prontas (cortinas e kit berço são exemplos). Não deixe pra última hora.

* Use e abuse das compras pela internet (lojas e sites confiáveis), principalmente quando se tratar de produtos e marcas que você não tem acesso em lojas físicas. Seus pés também agradecem.

* Se puder deixar tudo ou quase tudo resolvido até o 7º mês, melhor. A barriga começa a pesar demais mesmo, os ligamentos não aguentam a pressão e dói tudo. (eu não fiz isso, óbvio, e com 9 meses ainda corria atrás de um último body que faltou).

Talvez eu volte aqui pra editar com mais dicas, conforme eu for me lembrando delas.

*** Estou reformulando a categoria enxoval e posts já publicados estão sendo editados e reblogados. Novos posts serão inseridos logo logo :)

14 comentários no blog

  1. Silvia em

    Adorei!! Seu blog está sendo meu guia nesta gravidez!

    Bj

    Responder
  2. Lucianna em

    Adorei o post!! Ficamos meio (totalmente!) perdidas com tantas coisas pra comprar do enxoval… e suas dicas estão me ajudando MUITOOOO!
    Obrigada mais uma vez, Michelle!
    Bjs

    Responder
  3. Luana em

    * Frases que você vai certamente ouvir: “nossa, precisa de tanto body assim? uns dois já não tá bom? esse bebê já tem mais roupa do que eu!”. Não desanime, homens são assim mesmo.

    Meu marido, nossa fico revoltada. Ele não entende que as vezes tu tá trocando o bebe e ele faz xixi e molha tudo? Principalmente meninos.

    Responder
  4. Simony em

    Adorei seu blog… Está me ajudando muito… Ficamos totalmente perdida com tantas coisas… Obrigada

    Responder
  5. Suelen em

    Amei as suas dicas para o enxoval , o que evar à maternidade e tudo mais!!! Sou mãe de primeira viagem e por coincidência também ganharei em novembro…Procuro desde o primeiro mês um blog que me ajude neste período gestacional com ideias e coisas do gênero e para minha felicidade encontrei o seu!!! Serei uma leitora frequente!! Obrigada por compartilhar dicas tão preciosas conosco…

    Responder
  6. amanda em

    concordo e meu primeiro filho estou tao nervosa nao sei nem por onde começar estou com 4 meses e ainda nao comprei nada perdi um bebe ano passado estou muito anciosa

    Responder
  7. Marcia em

    oi querida, me diz uma coisa, com quantas semanas é o ideal de lavar as roupinhas? bjos

    Responder
  8. Leo em

    Obrigada pelas dicas, meu marido acha que é só berço, trocador, banheira e essas coisa pra comprar, qdo chego com roupinha nova ele: mais uma! entao tive q rir no comentario dos pensamentos dos homens

    Responder
  9. Carol em

    Sou um pouco desconfiada de compras on Line.
    Quais sites você usou pra comprar enxoval e gostou?

    Responder
  10. Lidia Santos em

    ótimas dicas…maei todas!

    Responder
  11. Jeiciane Vieira Soares em

    Ótimas dicas,gostei!

    Responder
  12. Mara Diego Pianaro em

    Obrigada pelas dicas , na verdade estou me sentindo um pouco perdida ainda ,hehe mais acredito que seja normal , ainda bem que existem pessoas como você que nos ajuda a tirar muitas duvidas , :*

    Responder
  13. Lillian silva em

    Amei suas dicas, me ajudaram bastante!!

    Responder
  14. Daiane em

    Ótima e dicas to bem perdida depois de 11 anos comecar tudo é bem válido mas opiniões obrigada

    Responder

Deixe seu comentário!