Categories: Estilo de Vida/ Organização

Comparativo de planners que já usei e o escolhido para 2019

Há alguns dias postei lá no stories do Instagram (já me segue por lá? então clica aqui!) uma foto com os 7 planners que já usei ao longo dos últimos 4 anos junto com uma enquete: se vocês gostariam de um post comparativo entre eles – embora fosse bem provável que muita gente já tivesse comprado o seu planner ou agenda de 2019. Como 86% dos votos foram a favor, eis aqui as minhas considerações sobre cada um deles. Queria muito ter feito esse comparativo antes do final do ano, mas, antes tarde do que nunca.

Para começar, vale frisar que eu recebi das lojas e/ou marcas 3 desses 7 planners que usei, viu? :) O primeiro deles chegou em 2015 e de lá para cá já usei diversas marcas e modelos, como vocês podem ver abaixo:

1. LifePlanner da Erin Condren

2. Daily Planner da Paperview

Dois planners bastante parecidos tanto em tamanho quanto em funcionalidades. Contudo, o Daily Planner sai na frente no quesito qualidade, layout, cores e no design como um todo já que tem um visual mais limpo e harmônico. Como nem tudo são flores, o Daily Planner atualmente é vendido ao preço de R$420,00 enquanto o LifePlanner sai a 60 dólares + frete (e possíveis impostos ao chegar no Brasil). Ambos vêm recheados de extras e acessórios como régua, marcador de página, bolsa plástica, páginas para anotações e de entrada em cada mês, controle de hábitos, espaço para anotar ideias, planos, sonhos e muito mais. Para quem gosta de adesivos, o Daily Planner ganha ao oferecer um caderno que acompanha o planner, com 700 stickers. Ambos podem ser personalizados com nome, iniciais ou frases na capa. São planners grandes e bem completos, para quem precisa de espaço para anotar compromissos no dia a dia e curte colocar no papel metas e planos. Tem resenha bem detalhada de ambos aqui e aqui. Embora eles tenham mudado um pouco de lá para cá, dá para ter uma ideia do que esperar deles.

3. Meu Querido Planner da La Pomme

Para o ano seguinte, fiz uma boa pesquisa atrás do layout e formato que melhor se adequasse às minhas necessidades na época. Já tinha ouvido falar da La Pomme – que é uma empresa familiar que tem sede em João Pessoa-PB mas entrega no Brasil todo. Depois de me apaixonar pelo layout interno lindo do Meu Querido Planner, resolvi optar por ele. Dentro do prazo estipulado no site eu logo recebi meu planner em casa e a qualidade me surpreendeu muito. O único porém que tive nesse caso foi que escolhi o tamanho errado – e foi algo que somente depois me dei conta, durante o uso no dia a dia mesmo. Como eu gosto de levá-lo comigo quando saio de casa, o tamanho 20 x 23,5 (sem contar o espiral) acabava sendo incômodo, até mesmo no manuseio em casa já que é um planner grande e mais pesado. Na época e ainda hoje existe a opção do mesmo planner no tamanho menor (A5) e acho que teria sido melhor para mim. Os valores são bem justos pela qualidade do produto: 297 reais para o tamanho M e 240 reais para o tamanho P. Dando uma olhadinha no site para me atualizar dos valores, vi que o layout interno ficou ainda mais lindo e agora tem pinceladas de aquarela e lettering! Dá para ver as páginas em detalhes aqui.

4. Planner A. Craft

Eu já conhecia a loja por ter comprado umas fofuras lá: carimbos, canetinhas, post it’s. Então num belo dia fui surpreendida com o carteiro fazendo a entrega de um planner deles aqui em casa. Na época eu estava usando o planner da La Pomme mas como eu não havia me adaptado muito bem ao tamanho, depois de uns meses acabei mudando para o A. Craft: um planner compacto, simples, sem firulas e muito funcional. Com um design bem travelers notebook, tem uma capa de couro sintético bem gostosa de manusear e elásticos onde você prende os blocos que quer usar no seu planner. Os blocos, cadernos extras e capas são vendidos separadamente e com isso o valor total do planner fica em torno de 150 reais – com capa + blocos para o ano todo e alguns extras. O tamanho é ótimo para quem gosta ou precisa carregar a agenda para cima e para baixo: 21 cm x 15 cm são das medidas da capa e 19,6 cm x 13,6 cm as medidas dos blocos. O espaço para anotações de compromissos do dia a dia e tarefas é pequeno, então esse não é um planner indicado para quem tem reuniões de hora em hora, por exemplo. Com o passar do tempo eu acabei sentindo falta de mais espaço, principalmente porque sempre anotava não somente os meus compromissos pessoais mas também os de trabalho e os da família. Ainda assim, é um dos meus planners preferidos até hoje. Existe a versão mini e também a versão não datada, é só pesquisar lá no site. A resenha que escrevi para o blog pode ser lida aqui.

5. Planner Meg & Meg

Os produtos da Meg & Meg são uma coisa de tão lindos e na maioria deles são usadas as cores que eu mais amo, como o preto, branco, rosa e azul clarinhos. Não tem como não se apaixonar pelas coisas que a Jessica produz – tive a oportunidade de conhecê-la pessoalmente aqui em Curitiba e os produtos refletem o doce de pessoa que ela é realmente. Tudo super clean, funcional e com design lindo. O planner tem uma proposta bem minimalista, assim como o A. Craft, com a diferença do layout ser mais bonito e também de ter espiral – o que uns amam e outros odeiam. No ano em que comprei só havia a opção de layout semanal na vertical, como é a maioria dos planners. Vi que nessa última versão havia a opção do layout na horizontal, além de outras pequenas mudanças. Para quem precisa de um planner lindinho, sem muita firula, funcional, pequeno e prefere espiral, indico o planner da Meg & Meg com certeza. A qualidade é excelente e o preço também, saindo a 159 reais nessa última leva. Ah, os adesivos, bloquinhos e cadernos são maravilhosos. Vale dar uma olhada!

6. Flex Planner da Planner Shop

Nessas minhas andanças pesquisando por planners, um dia cheguei até a Planner Shop e, caraca, quanta coisa legal! Tem muita opção de planneres, capas e adesivos (lindos!) para adornar tudo – os adesivos lá da foto de abertura desse post são deles. Essa versão Flex não é datada e tem um layout bem enxuto na visão semanal. Eu achei a qualidade excelente e o design bem bonito – apesar de ser menos clean que os demais já que possui algumas ilustrações florais, por exemplo. Mas não me adaptei com a organização horizontal do layout em uma folha apenas, acabava me confundindo e anotando as coisas no dia ou semana errados. Acho que o Mini Planner – que tem tamanho A5 e layout comum na vertical – teria dado mais certo comigo.

7. Smart Planner da Paperview

Depois de testar planner grandão, planner compacto, planner com visão semanal vertical e horizontal, planner datado e não datado, planner fru fru e planner minimalista… e o principal: espiral e não espiral, cheguei à conclusão do que seria um planner perfeito pra mim:

tamanho A5 ou próximo disso, datado, clean mas sem deixar de ser lindinho, sem espiral, com uma visão semanal mais compacta – já que tenho mais listas de afazeres do que compromissos com hora marcada – leve e prático para carregar comigo, com folhas extras para anotações e com um valor bacana.

Finalmente então chegamos ao meu planner de 2019 – que vem sendo usado com mucho gusto desde o início do ano. Eu já estava pensando em procurar algo assim há algum tempo, um planner com formato parecido com livro, sabem? E o melhor de tudo foi descobrir que esse smart planner tinha todos esses meus requisitos. Comprei na promo (acho que ainda está rolando) e ele saiu por R$137,00. Além desse rose gold tem azul e avelã. Eu to bem apaixonada pelo meu e acredito ter me achado nessa busca pelo planner ideal and com custo bacana.

E é isso! Espero que vocês tenham gostado desse “post comparativo bate papo” e que ajude de alguma forma quem ainda procura por um planner legal para chamar de seu.

comentários via facebook

deixe seu comentário!