02 mar 2011

Babá Eletrônica Sony 900 MHz

Comprei a babá eletrônica da Sony sob recomendação de outras amigas mães – segundo elas, entre as babás eletrônicas sem vídeo, essa seria a melhor.

Escolhi a que vinha um transmissor e dois receptores, por precaução – aparelhos tecnológicos não costumam durar muito em minhas mãos, então achei melhor assim. Até agora, surpreendentemente, está tudo funcionando ainda muito bem.

Os receptores funcionam com bateria, o que acho ótimo: é muito chato ter que ficar trocando pilhas! Eles carregam rapidinho e avisam quando a bateria está no fim com alguma antecedência. Outro diferencial da marca é a opção de ativação por voz; poupa bateria e não deixa aquele barulhinho chato enquanto a babá eletrônica está ligada. Ela só é ativada mesmo quando o bebê faz algum barulho.

Tem 27 canais, o que diminui consideravelmente as interferências. Comigo só aconteceu uma vez: estava eu sentada na sala, vendo televisão, tranquilamente, com a babá eletrônica do meu lado, quando ouço uma mulher falando, muito alto: “VOCÊ TEM QUE DAR VALOR AO DINHEIRO”. Gelei! Juro, achei que era um fantasma querendo me dar lição de moral, querendo me mandar economizar. Levei um susto horroroso. Fui correndo para o quarto do Francisco atrás do fantasma e nada (graças a Deus). Voltei à sala e a voz continuou: era na verdade a conversa entre duas mulheres. Não sei daonde vinha a interferência, provavelmente era a conversa telefônica de alguma vizinho, mas por precaução desliguei a babá e fui dormir bem grudada ao Francisco, porque né, ninguém é de ferro.

Também, foi só dessa vez. Nunca mais sofreu interferências e tem um ótimo alcance. É extremamente sensível, às vezes até sensível demais: consigo ouvir a respiração do Francisco através dela. Além disso, tem o som muito claro, com bom volume. Uso muito, o tempo todo, e recomendo!

Preço médio: Nos EUA, paguei 60 dólares. Aqui no Brasil, pela minha pesquisa, custa em média 180 reais, com um transmissor e um receptor.

Conclusão: Fora a minha única experiência sobrenatural, é muito eficiente e confiável.

Não custa nada lembrar: qualquer babá eletrônica que seja, é sempre prudente deixar o transmissor, que costuma ter um longo fio ligado à tomada, longe do berço do bebê. Li esta matéria recentemente e me assustei: nos Estados Unidos, desde 2004, já foram registradas 7 mortes de bebês por estrangulamento com o fio da babá eletrônica. Precaução nunca é demais. ;)

Update: Michelle também usa essa babá eletrônica e adora. Duplamente recomendada!

 

9 comentários no blog

  1. Caroline Manenti Soares em

    Tenho a babá eletrônica da Intelbrás (BB20) e ela não dá interferência. É perfeita!!

    Responder
  2. marcela em

    Olá,eu ganhei de presente esta babá da sony NTM 910 mais nao estou sabendo usar,por que nao tenho o manual dela,será que poderia mim ajudar.
    Pois nao consigo colocar a frequencia nela,fica chiando muito,esse range alm nao para de apitar,conclusao nao cosigo usar ela de jeito nhum será que poderia mim ajudar.bjos

    Responder
    1. Tainá Bianca respondeu marcela em

      marcela, comprei a NTM910 em um lugar de artigos usados, estou com o mesmo problema que voce, nao sei usar… vc aprendeu? pode me ajudar?

      Responder
      1. Luciano respondeu Tainá Bianca em

        Tenho duas babás da SONY. São ótimas.

        Uma questão são os apitos e outra coisa os chiados.

        Para acertar a frequência basta deixar a sequencia de cores iguais, tanto na base transmissora, quanto no receptor (p. ex.: amarelo-verde-vermelho em ambas). Se continuar chiando é só ir alterando a frequencia (ou seja, a combinação de cores) até achar a melhor. Dá ainda para mudar a posição do receptor no quarto que isso pode ajudar. Quando as frequências entre base e receptor não está de acordo ela fica o tempo todo apitando. É só acertar as cores que para. Tenta colocar ambas com todas as 3 posições na cor verde, por exemplo. Se continuar apintando o receptor é porque a bateria está descarregada. Coloque a carregar na tomada que deve parar de apitar. Depois que carregar pode retirar. A bateria dura uma 12 horas até a próxima carga. Se não pegar carga é porque a bateria deve estar danificada e aí é necessário comprar outra nova ou ficar usando sempre ligado na tomada.

        Outra coisa é baixar o volume do receptor para parar com os chiados. Não precisa estar no volume máximo para ouvir. É só testa com algum adulto. Ou utilizar a função (no receptor) de só acionar o som em caso de som emitido pela criança. Nesse caso vai ficar o tempo todo em silêncio e só acionar quando o bebê chorar/chamar.

        Boa sorte.

        Responder
  3. Fernanda Braga em

    Comprei uma babá eletrônica sony creme de alcinhas para meu netinho. Ainda não consegui usar pois as pilhas estao descarregadase nnão sei como carrega-kas. Ajudem-me pois ė muito útil e está sem uso. Meu netinho não pode nem dormir em seu quarto.

    Responder
  4. Fabiana Cristina em

    Boa noite, adorei o post ganhei minha baba eletrônica e não tem manual, mão estou conseguindo usar muita interferência ,teria como me ajudar ?

    Responder
  5. Cintia em

    Acabei de receber esta mesma babá que tinha encomendado,porém to com uma grande dúvida,se puder me ajudar agradeço muito. Eis minha dúvida: coloquei o receptor para carregar pela primeira vez porém nao faço idéia de quanto tempo a bateria necessita para carregar por completo,e se o led (Charge) apaga ou muda de cor.E normalmente após a 1° recarga,quanto tempo será necessário a próxima e qto tempo demora as próximas recargas? Obrigada

    Responder
  6. Debora em

    Ola ganhei uma baba dessa e não tem manual sera que alguem me ensina como usar ,obrigado aguardo resposta .

    Responder
  7. Nastassia em

    Tambem gostsria de saber como fazer para o range alm parar de apitar

    Responder

Deixe seu comentário!